JANAÍNA
Janaína tem vinte e três anos, trabalha em um supermercado de bairro e está apaixonada.  Infelizmente é um amor impossível, pois ele é pobre! Sua mãe não pode nem sonhar que ela se encontra com Mateus. Tem que viver se escondendo como uma criminosa, pra poder namorar. E o pior é que Mateus nem se incomoda com a situação. Acha que sua mãe está certa em querer que ela dê o golpe no velho.
Até conhecer o Mateus, tudo bem em se aproveitar da ingenuidade do velho babão. Era divertido contar histórias tristes da sua vida, reclamar do padrasto, dizer que sua mãe era conservadora e que sonhava vê-la casando de véu e grinalda. Ele ficava tão apavorado com a possibilidade de perdê-la, que a recompensava generosamente.  Terrível era ter que sorrir ouvindo as intermináveis e chatas histórias de como ele começou por baixo e foi subindo por merecimento. Ouvi-lo falar do preço do aço, de encrencas com funcionários e blá, blá, blá. Era conversa que não acabava mais. 
Janaína inventou que sua mãe não poderia saber sobre o seu relacionamento com Jorge, pois assim ela tinha desculpa para ficar algum tempo sem se encontrarem, mas a mãe logo a pressionava com medo de perder a galinha dos ovos de ouro.  Dizia que com o dinheiro que ele tinha se ela não se empenhasse, outra espertinha ia se candidatar. Aí ela ligava de um telefone público e dizia que estava com saudade, carente ou qualquer outra bobagem do gênero, e o Jorge acreditava.  Lá ia ela agüentar as chatices e outras coisas mais. Ainda bem que existe whisky. Era só incentivar ele beber que ele logo dormia e quando acordava não se lembrava de quase nada, então era só fantasiar um pouco que ele acreditava que tinha sido um amante incrível.
(continua)






4 comentários:

Palavras Vagabundas disse...

Legal, conheci a Janaína e sua interesseira mãe.
bjs
Jussara

ativista disse...

Da hora teu blog,Seguindo.
Segue ai tbm.
http://hiphopactivistface.blogspot.com/
Valeu

Bruno JP Teixeira disse...

OBRIGADO POR SEGUIR MEU BLOG JÁ ESTOU RETRIBUINDO.

Abrçs.
Bruno JP Teixeira - O Portuga
http://brunojpteixeira.blogspot.com/

Silenciosamente ouvindo... disse...

Amiga é um prazer que estejamos seguindo nossos
blogues.Tenho um mais recente:
http://sinfoniaesol.wordpress.com
Um beijinho e bom domingo
Irene

Postar um comentário

Sinta-se em casa

About